quarta-feira, 20 de maio de 2009

CEF espiona empregados

A CEF apronta novamente com seus funcionários. Durante a greve dos empregados de carreira profissional a CEF editou a CI SUAPE/GERET 05409 que acabou passando batido pelos empregados. Esta Circular informa textualmente que todos os empregados (inclusive os afastados) da Caixa deverão autorizar a quebra de seu sigilo fiscal. O empregado pode mandar uma declaração de bens e valores, cujo modelo será liberado a partir do dia 22/05, ou autorizar no 4.1 (também a partir do dia 22/05) o acesso a sua declaração de IR e retificadoras.

Até então, apenas os gerentes mandavam cópia pra SR, lacradas, para uma possível apuração. Caso ele fosse investigado, o juiz autorizaria a abertura do lacre pelos auditores da Caixa. Pela nova CI, todos os empregados abrem mão do seu sigilo fiscal sem nenhum indício de irregularidade em seu patrimônio.

Com isso a Caixa terá em mão um grande banco de dados econômicos dos seus empregados, e sabemos como a Caixa costuma usar esses dados. Além de anti-ético, a empresa não pode exigir isso dos empregados, pois é invasão de privacidade. Os empregados da Caixa devem pressionar seus sindicatos para derrubar mais esta arbitrariedade.


Nenhum comentário:

Mais vistos

Arquivo

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO