sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Queremos que o Saúde Caixa se torne um dos melhores planos do país

Entrevista de Alex Livramento à FEEB/BA-SE

Nesta semana, de 13 a 17 de dezembro, acontece a eleição do Conselho de Usuários do Saúde Caixa. Entre as oito chapas que concorrem, a Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe e seus sindicatos filiados, assim como os Bancários Classistas, apóiam a Chapa 2 - Movimento pela Saúde, que conta com a participação do companheiro Alex Livramento, representante da CTB.

Alex Livramento, nesta entrevista, fala sobre as propostas da Chapa 2 para o Saúde Caixa e o papel que a CTB pode desempenhar neste processo. Alex é formado em Letras pela USP, entrou na Caixa em 2001. É membro da Coordenação Nacional dos Bancários Classistas e em 2005, foi eleito para a diretoria do Sindicato dos Bancários de São Paulo, cargo que ainda ocupa.


FEEB: São 8 chapas concorrendo à eleição do Conselho de Usuários do Saúde Caixa, em que a Chapa 2 se diferencia das demais?

ALEX: A chapa 2, “Movimento pela Saúde”, é formada por ativistas de vários segmentos de luta, e de várias localidades do país,  portanto consegue representar um maior espectro de empregados. Além disto os componentes da chapa 2 têm experiência destacada, tanto por formação acadêmica quanto pela atuação na Caixa e nos movimentos.

FEEB: Como avalia o papel do Conselho de Usuários no acompanhamento do Saúde Caixa?

ALEX: Primeiro deve-se lembrar que o Conselho de Usuários é uma conquista dos empregados, portanto devemos valorizá-lo. O Conselho é de fundamental importância, pois seria inadmissível que os empregados que contribuem com o plano não pudessem participar minimamente de sua gestão. Hoje existe a garantia de que nenhuma medida será implantada unilateralmente, pois o Conselho deve ser ouvido.

FEEB: Quais propostas a Chapa 2 apresenta para o aperfeiçoamento da gestão e dos benefícios?

ALEX: A chapa 2 apresenta várias propostas, que podem ser conferidas no jornal que os empregados receberam via malote, mas creio que a mais importante sem dúvida é mudar o caráter do Conselho, hoje consultivo, para deliberativo. A partir desta mudança as demais propostas ficam mais fáceis de implementação. No tocante aos benefícios, precisamos incluir procedimentos e aumentar a rede credenciada, sem que isto gere custo maior aos empregados.

FEEB: O que os usuários do Saúde Caixa podem esperar dos membros da Chapa 2 se eleitos?

ALEX: A chapa Movimento pela Saúde pretende aprofundar o trabalho realizado pelos conselheiros anteriores, sendo a ponte entre os usuários e o plano, de modo independente. Queremos que o Saúde Caixa se torne um dos melhores planos do país, e que o empregado e sua família sintam orgulho ao apresentar sua carteirinha para usar os serviços de saúde.

Por outro lado os usuários devem cobrar, denunciar, comunicar problemas aos conselheiros. A participação de todos é fundamental para a melhoria do plano. 

FEEB: Como representante da CTB na Chapa 2, que papel espera desempenhar?

ALEX: A CTB participa desta chapa por acreditar que é fundamental a unidade das forças políticas e setores organizados que atuam dentro da Caixa e que têm como objetivo melhorar nosso Saúde Caixa.  A CTB vai atuar com autonomia e independência, como atua em todos os fóruns que participa, colaborando com o debate, defendendo sempre o interesse do empregado e de sua família.

Contamos com o voto de todos os empregados, pois a participação de todos no processo é que garante a legitimidade do Conselho de Usuários.


Nenhum comentário:

Mais vistos

Arquivo

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO