segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Bancos oferecem nada, de novo

Mais uma vez não houve avanço na rodada de negociação entre o Comando Nacional dos Bancários e a Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) nesta segunda-feira, dia 26, em São Paulo. Os bancos não apresentaram proposta em relação à pauta de reivindicações da categoria.

Sobre o reajuste salarial de 11,93% (aumento real de 5% mais a inflação do período) reivindicado pelos bancários, a Fenaban afirmou não ter nenhuma posição ainda. Como também para as reivindicações sobre remuneração, PCS (Plano de Cargos e Salários), adiantamento do 13º salário para empregados afastados, salário do substituto e vale cultura.

Para o presidente da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe, Emanoel Souza, que participa das negociações, "a postura dos bancos, chegando à terceira rodada sem apresentar proposta concreta, representa, mais uma vez, uma provocação que precisa ser respondida com a intensificação da mobilização em todo o país".

A rodada de negociação sobre remuneração continua nesta terça-feira, dia 27, sobre os demais itens das cláusulas econômicas, como PLR de três salários mais R$ 5.553,15, piso definido pelo Dieese (R$ 2.860,21), vales alimentação, refeição, 13ª cesta e auxílio creche/babá de R$ 678,00.

Fonte: Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe

Nenhum comentário:

Mais vistos

Arquivo

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO