sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Negociações positivas no 1º semestre


As negociações salariais do primeiro semestre foram positivas, tendência que deve ser confirmada com as campanhas salariais em andamento no segundo semestre. Categorias fortes, como bancários, petroleiros e metalúrgicos estão em processo negocial com os patrões e esperam arrancar um bom resultado, como ocorrido entre janeiro e junho. 


Cerca de 85% das 328 negociações analisadas pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) conquistaram aumento real dos salários. Outros 7% garantiram reajuste igual a inflação do período e apenas 8,5% ficaram abaixo do INPC (Índice Nacional de Preço ao Consumidor).

Na comparação entre os setores econômicos, o comércio foi o que apresentou o maior percentual de reajustes acima da variação da inflação. Cerca de 98% das 45 negociações conquistaram ganhos reais para os salários. Na indústria, o índice de reajustes acima da inflação foi de 85%, de um universo de 142 reajustes pesquisados, e nos serviços, 79%, de um total de 141 reajustes salariais.

Reajustes em valores idênticos à variação do INPC-IBGE foram mais frequentes no setor de serviços, observados em 11%, e, em menor escala, na indústria, cerca de 5%. No comércio não foram registrados reajustes iguais à inflação. 

Nenhum comentário:

Mais vistos

Arquivo

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO