terça-feira, 29 de setembro de 2015

Marco histórico do movimento social


Um verdadeiro marco na história dos movimentos sindicais e sociais. A greve dos bancários de 1985 é inesquecível e merece homenagens. O movimento foi lembrado nesta segunda-feira (28/09), na Câmara Municipal de Salvador. Pela grande adesão, a mobilização foi fundamental para a retomada da democracia e da liberdade no país.


O vice-presidente do Sindicato da Bahia, Euclides Fagundes, lembra que ali "a luta por melhorias renascia com muita euforia e disposição". O presidente da Federação da Bahia e Sergipe, Emanoel Souza, ressalta que a paralisação assegurou o direito de greve e inspirou outras categorias. 

Presidente do Sindicato da Bahia em 1985, Beraldo Boaventura destaca a mobilização contra os bancos. “Nós tínhamos empresas que falavam que na hora que o Sindicato chegasse, se algum bancário levantasse a cabeça, seria demitido. A greve representou a ruptura desse clima de repressão".

A sessão foi uma iniciativa do vereador e bancário Everaldo Augusto (PCdoB) e contou com a presença do secretário da Setre (Secretaria de Trabalho, Renda e Emprego), Álvaro Gomes, além da atual presidente e do presidente do Sindicato de Feira de Santana em 1985, Sandra Freitas e Eliezer Ferreira. 


Nenhum comentário:

Mais vistos

Arquivo

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO