segunda-feira, 14 de dezembro de 2015

Negros ainda são excluídos dos mais ricos

Os negros ou pardos ainda são excluídos do grupo dos mais ricos no país. É o que mostra o estudo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) sobre o tema, publicado nesta sexta-feira (04/12).

As informações mostram que apenas 17,4% dos negros estão na faixa dos 1% mais ricos do Brasil (renda média superior a R$ 11,6 mil por habitante) enquanto os brancos somam 79%. O índice é maior  do que em 2004, quando a representação era de 12,4%, mas ainda não é suficiente visto que os negros correspondem a mais da metade da população brasileira (53,6%).


Do lado inverso da pirâmide social, os negros continuam a sofrer mais com a pobreza. Entre os 10% mais pobres, com renda média de R$ 130,00 por pessoa na família, os negros são maioria. Em 2014, a percentagem chegou a 76%.

Nenhum comentário:

Mais vistos

Arquivo

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO